813

Por Assessoria de Comunicação, fonte Secretaria Municipal de Agricultura e Agronegócio
Publicado em 27/10/2015 as 16:48  •  atualizado há 1 segundo

Prefeitura

Concurso de qualidade do café premia os melhores do Município

Os primeiros colocados apresentaram cafés com pontuação alta e estão prontos para serem comercializados em outros mercados

CONCURSO DE QUALIDADE DO CAFÉ PREMIA OS MELHORES DO MUNICÍPIO

Os primeiros colocados apresentaram cafés com pontuação alta e estão prontos para serem comercializados em outros mercados

Postado por Assessoria de Comunicação - sexta-feira, 23 de Outubro de 2015 as 16:47:55Fonte: Secretaria de Agricultura e AgronegócioConcurso de Qualidade do Café premia os melhores do município

Muita expectativa e animação marcaram a final do 1º Concurso de Qualidade do Café Arábica de Iúna que premiou os melhores cafés do município nas categorias café cereja descascado ou despolpado e café natural. A iniciativa da Prefeitura de Iúna, por meio da Secretaria de Agricultura e Agronegócio, em parceria com o Incaper premiou os três primeiros colocados em cada categoria com valores de R$ 1 mil a R$ 4 mil.

Os cafeicultores vencedores Edelson de Oliveira Almeida, de Fazenda da Alegria, e Emílio Messias Horst, de São João do Príncipe, apresentaram amostras de café com altas pontuações: 85 pontos no segmento natural e 89 pontos na categoria despolpado, respectivamente.

O Prefeito Municipal Rogério Cruz ressaltou que o objetivo do concurso é valorizar os produtores locais e mostrar que, além de Iúna ser o 2º maior produtor de café arábica do Estado é também produtor de café de qualidade. “Essa é uma iniciativa inédita que vem para mostrar o potencial da nossa região. Tenho certeza que esse concurso irá despertar em muitos a vontade de investir na qualidade do seu café”, destacou Rogério Cruz.

O concurso reuniu 57 inscritos e 66 amostras. “Superou todas as nossas expectativas, e a qualidade dos cafés nos surpreendeu. Isso nos deixa muito felizes e motivados para fazer um novo concurso no próximo ano”, disse o engenheiro agrônomo da Secretaria de Agricultura, João Marcos Dalvi Gava.

Além da nota da prova dos cafés, os cafeicultores inscritos também foram avaliados pela comissão do concurso no quesito sustentabilidade da propriedade.

“Dos 100 pontos do concurso, 90 eram da qualidade do café e 10 pontos da sustentabilidade da propriedade. Avaliamos a organização e itens como armazenamento do café. Tenho certeza que esse concurso abriu as portas, pois a partir de agora muitas cidades saberão que também produzimos um café de excelente qualidade”, explicou o engenheiro agrônomo do Incaper, Matheus Fonseca de Souza.

Vencedores

O primeiro colocado na categoria café natural, o produtor rural Edelson de Oliveira Almeida, de Fazenda da Alegria, enfatizou que o resultado é fruto de parcerias. “Sou meeiro e parceiro do meu patrão, então sempre trabalhamos em conjunto para ter um bom resultado. Fiquei muito feliz com a premiação. Acho muito importante este concurso, pois assim outros produtores perceberão que vale a pena se dedicar por um bom produto”, comentou.

Já na categoria café despolpado, o vencedor foi o agricultor Emílio Messias Horst, de São João do Príncipe, que já foi o primeiro lugar em um concurso de qualidade do café conilon no Estado.

“Já ganhei um concurso e essa é a primeira vez que participei na categoria arábica. Trabalhamos durante todo o ano para fazer um café de qualidade e tenho certeza que esse concurso vai agregar muito valor no café do nosso município”, contou.

Avalição

As amostras inscritas foram encaminhadas para instituições de prova para serem avaliadas por especialistas. O degustador e classificador de café, Rondineli Sartori, comentou que os vencedores de cada categoria terão a oportunidade de vender o café por um preço diferenciado, a partir de R$ 650 a saca.

“Só através desse concurso descobrimos que Iúna tem cafés especiais e de altíssima qualidade. Tenho certeza que se mais produtores se dedicarem muitos poderão vender para o mercado externo e trazer benefícios para toda região. Oferecemos a oportunidade para os primeiros colocados de cada categoria vender por um preço diferenciado de mercado e participar de um concurso estadual”, explicou.

 

https://iuna.es.gov.br/video/2015/10/concurso-de-qualidade-do-cafe-premia-os-melhores-do-municipio.html

Publicações relacionadas

Aguarde, enviando dados!

clear